LEALDADE HUMILDADE PROCEDIMENTO

Minha foto
São Paulo, Mooca - SP, Brazil
Rodrigo Freitas - rodrigo_adefreitas@hotmail.com

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Thiago Heleno não é mais jogador do Timão

A passagem de Thiago Heleno pelo Corinthians chegou ao fim. Na companhia do seu empresário, o zagueiro foi ao clube e pediu a rescisão do contrato, que foi prontamente acatada pelo clube. Tite também avalizou sua saída.

O jogador, que atuou apenas cinco jogos e fez um gol, argumentou aos dirigentes do Timão de que não haveria clima para continuar na próxima temporada, já que a tendência era de manutenção da pressão da torcida, exercida durante a sequência de sete jogos sem vitória no Brasileirão.

Na ocasião, apesar do clima pesado com boa parte da Fiel, o técnico Adilson Batista se recusou a tirá-lo da equipe. O ex-comandante chegou até a revezar Chicão e William, titulares absolutos nas últimas três temporadas, para manter seu pupilo em campo.

Os valores envolvidos na quebra do vínculo, que terminaria apenas em agosto de 2012, não foram divulgados. No Parque São Jorge, há quem comemore o fato de não ter de pagar a totalidade do que ele teria a receber até o fim do contrato.

A contratação de Thiago Heleno, no último mês de agosto, teve enredo de novela global. O Corinthians chegou a dar a negociação como encerrada, sob alegação de que o HAZ Sport Agency, grupo de investidores dos sócios Fernando Hidalgo, Gustavo Arribas e Pini Zahavi, tentava impôr "cláusulas absurdas" no contrato. Após muitas reviravoltas, a empresa cedeu e o clube aceitou contratá-lo.

Agora, apenas cinco defensores fazem parte do elenco corintiano: Chicão, Paulo André, Leandro Castán, Wallace, recém-contratado, e Diego, que volta de empréstimo. Além do jovem André Vinícius.

William, aposentado, e Renato, emprestado ao Figueirense, também não vão continuar.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Morais: Etou voltando com muita confiança



De volta ao Corinthians em 2011, o meia Morais, que defendeu o Bahia neste ano, quer ter uma sequência de jogos depois de poucas oportunidades na sua primeira passagem, entre 2008 e maio deste ano.

– A expectativa é a de chegar, ter oportunidade. Estou voltando com muita confiança. Sem querer cobrar, quero buscar o meu espaço. Futebol é assim mesmo. Que tudo aconteça de uma maneira diferente – declarou em entrevista à Rádio Globo.

A passagem pelo Bahia rendeu a Morais a terceira colocação na Série B de 2010, confiança e uma boa sequência de jogos.

- Foi bom porque eu voltei a jogar partidas completas. O jogador, quando joga pouco tempo, perde um pouco da confiança. Voltei a jogar os dois tempos. Tive uma sequência de jogos muito boa - explicou.

No primeiro período no Timão, o atleta sofreu com lesões e com uma suspensão de 60 dias por causa de uma briga com o meia Marquinhos, na Série B, em 2008. Além dele, Edno (meia-atacante), Marcelo Oliveira (lateral-esquerdo), Éverton Ribeiro (meia), Moradei (volante) e Diego (zagueiro) voltam de empréstimo.

Corinthians x Tolima : 11 mil ingressosjá vendidos...e o jogo é só dia 26 de Janeiro do ano que vem.Isso é Corinthians

Até o final da tarde desta terça-feira, 11 mil ingressos do jogo Corinthians x Tolima foram comprados pelos membros do Fiel Torcedor, programa de sócios-torcedores do clube. O confronto acontecerá no dia 26 de janeiro, no Pacaembu.

Os ingressos de arquibancada já estão esgotados. A venda ocorreu nesta terça-feira pela internet, por meio do site oficial do Fiel Torcedor, com início por volta das 9h. Cerca de uma hora depois, uma mensagem na página virtual já avisava:

"Esgotaram os ingressos do setor arquibancada verde. Está liberado para venda o setor tobogã".

A venda dos ingressos começou no dia 22 de dezembro, mas apenas para os sócios-torcedores que já haviam adquirido 22 ingressos desde o início do plano. Neste primeiro momento, 3 mil foram vendidos.

Nesta terça-feira, todos os outros participantes do programa Fiel Torcedor puderam comprar bilhetes para a partida. A venda exclusiva para o Fiel Torcedor termina apenas no dia 20 de janeiro.

Os preços variam de acordo com o setor e o plano de cada sócio e custam R$ 50 a R$ 500.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Corinthians x Tolima

Nos primeiros cinco dias de vendas, os corintianos compraram quase 3 mil ingressos para o confronto Timão x Tolima (COL), que acontece no dia 26 de janeiro, no Pacaembu, e é válido pela primeira fase da Copa Libertadores de 2011. O jogo de volta será na Colômbia, no dia 2 de fevereiro.


Do dia 22 até o último domingo, a comercialização aconteceu somente para sócios do Fiel Torcedor (www.fieltorcedor.com.br) que compareceram a, no mínimo, 22 partidas do Corinthians como mandante desde o início do programa, no fim de 2007.

A partir desta terça-feira, os outros membros poderão adquirir as entradas, sem qualquer restrição. Restam bilhetes para todos os setores do estádio. Arquibancada custa R$ 50, cadeira laranja R$ 200, numerada R$ 300 e Área Vip R$ 500.

Para torcedores comuns, as bilheterias devem abrir três dias antes de a bola rolar.

domingo, 26 de dezembro de 2010

Sai de Baixo Tv Globo 1996 - 2002



Aberturas do Programa "Sai de Baixo" - Clássico das noites de domingo da TV Globo (1996 a 2002)

Elenco:

. Miguel Falabella - Caco Antibes / Dona Caca
. Marisa Orth - Magda Salão Antibes
. Aracy Balabanian - Cassandra Mathias Salão
. Luís Gustavo - Vavá / Vanderley Mathias
. Cláudia Jimenez - Edileuza / Deonélia
. Tom Cavalcante - Ribamar / Ribaranga / Ribirita / Ribamacha

Você Decide Tv Globo 1992 - 2000



Você Decide foi um programa interativo exibido pela Rede Globo entre 1992 e 2000. Em cada episódio eram encenados casos especiais, com um final diferente a ser escolhido pelos telespectadores através de votações via telefone. Vários atores e apresentadores globais passaram pela bancada do Você Decide: Antônio Fagundes, Tony Ramos, Walmor Chagas, Raul Cortez, Carolina Ferraz, Renata Ceribelli, Celso Freitas e Luciano Szafir foram os que ficaram por mais tempo no programa.

Geloucos: Alguém se lembra???



Em 1997 a Coca-Cola deu início à febre dos geloucos, juntando 10 tampinhas de metal ou 5 de plástico você podia trocar por 1 envelope com 2 geloucos, 1 card e 1 adesivo. A coleção se completa com 60 geloucos em formas 'exageradas' de objetos do nosso dia-a-dia, tais como: bule, parafuso, computador, chapéu e etc.
Anos depois, outras promoções surgiram aqui no Brasil, os geloucos Rockeiros e os geloucos Cósmicos em 2000.

sábado, 25 de dezembro de 2010

Feliz Natal




"Natal é tempo...
de dar um toque na vida com as cores da esperança,
da fé, da paz e do amor.
Também é tempo de preparar,
em nosso coração e em nosso lar,
um espaço para acolher
as sublimes lições da Sagrada Família de Nazaré
e aceitar as inevitáveis surpresas da vida.

Natal é tempo...
de olhar para o céu,
encantarmo-nos com a luz das estrelas
e seguir a estrela-guia.
É tempo abençoado de dar mais atenção
à criança que mora em cada um de nós
e às que encontramos em nosso peregrinar,
à procura do caminho que nos leva ao Deus-Menino.

Natal é tempo...
de mais uma vez ouvir, acolher
e repetir a mensagem alegre dos Anjos de Deus.
É tempo de acalentar sonhos de harmonia e paz e,
olhando para os “anjos aqui na Terra”,
dar a nossa contribuição,
para tornar este nosso espaço
um pouco mais parecido com o Céu.

Natal é tempo...
de contemplar o Menino Jesus e Sua Mãe
e envolvermo-nos em silêncio orante.
É tempo de agradecer as manifestações de Deus
e deixarmo-nos extasiar por esse Divino Amor que,
na fragilidade de uma Criança, nos braços de Maria,
veio iluminar nossa fé.

Natal é tempo...
de olhar para o mundo, alimentar a chama do amor
e apreciar o milagre da vida.
É tempo de seguir com atenção
e humildade os passos dos pastores
e os daqueles que têm coração simples e,
em gestos de ternura,
sintonizar mentes e aconchegar corações.

Natal é tempo...
de pensar no irmão próximo e distante
e de colaborar para o renascer do amor.
É tempo de, amorosamente, recompor a vida,
perdoar e abraçar, com a ternura
e a misericórdia do Coração de Deus,
os registros de nossa infância e dos anos que já vivemos.

Na jubilosa esperança do Natal de Jesus Cristo,
estejamos atentos para perceber
e realizar o bem que estiver ao nosso alcance
e sermos um compreensível eco da mensagem de paz
daquela noite em que, gerado por obra do Espírito Santo,
de Maria nasceu o Salvador."

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Grêmio Maringá quer reconhecimento de título brasileiro




O Grêmio Maringá fechou as portas em 2005, após cair para a Segundona estadual. A volta aconteceu este ano
Conforme já se anunciava, começou a temporada de caça pelo reconhecimento de títulos nacionais. Nesta quinta-feira, o Grêmio Maringá (PR) anunciou estar em fase de elaboração de um dossiê para que o Torneio dos Campeões de 1968, disputado no ano seguinte, seja equiparado ao Campeonato Brasileiro. E o clube vai além: promete tentar até um convite para a Copa Libertadores.

Organizado pela Confederação Brasileira de Desportos (CBD, atual CBF), o Torneio dos Campeões reunia os vencedores da Taça Brasil, do Robertão e dos regionais do Sul/Centro-Oeste e do Norte/Nordeste de 1968.

CONHEÇA O TORNEIO DOS CAMPEÕES DE 1968

Criação: Organizado pela CBD (Confederação Brasileira de Desportos),
foi realizado em março de 1969. O campeão disputaria a
Libertadores do ano seguinte.

Participantes: Botafogo (campeão da Taça Brasil de 1968), Santos (campeão
do Torneio Roberto Gomes Pedrosa de 1968), Sport (Campeão
do Torneio Norte-Nordeste de 1968) e Grêmio Maringá
(campeão do Torneio Centro-Sul de 1968).

Regulamento: Maringá e Sport se enfrentavam pela primeira fase. O vencedor
enfrentaria o campeão do Robertão, na época o Santos. O duelo
contra a equipe paulista definiria quem disputaria a final contra
o Botafogo, campeão da Taça Brasil.

O que aconteceu?
O Maringá disputou dois jogos contra o Sport. Foi vitorioso em
ambos pelo mesmo placar (3 a 0) e avançou à segunda fase.
O adversário foi o Santos. Após dois empates, o clube paulista
alegou indisponibilidade de agenda e não entrou em campo
para o desempate.

Na final...
Como a CBD tirou a vaga do campeão na Libertadores em função
de um desentendimento com a Conmebol, o Botafogo, que
também alegou falta de datas, desistiu e o Grêmio Maringá
foi declarado campeão.


Ao saber que a CBF estava prestes a reconhecer títulos brasileiros do passado, o presidente do Grêmio Maringá, Aurélio Almeida, foi tomado pela confiança de que a competição de 1969 seria incluída no pacote. Não havia, no entanto, o conhecimento de que foi necessário um dossiê elaborado pelos próprios clubes para que houvesse a unificação.

– Não estamos inventando nada. Ficamos tristes, pois esperávamos esse reconhecimento. Mas vamos lutar até as últimas consequências por esse título – afirmou Aurélio Almeida presidente do GM.

Hoje na Terceira Divisão paranaense, o Grêmio Maringá agora se mobiliza para entregar o quanto antes à CBF seu próprio dossiê, com as provas de que o Torneio dos Campeões equivale a um Brasileiro. Fotos, documentos e fichas dos jogos já estão sendo organizados pelo clube.

O principal argumento de Aurélio, porém, está no nome do torneio:

– Temos mais direito do que Santos e Botafogo, que foram campeões brasileiros e jogaram aquela competição. Somos campeões dos campeões.

A prioridade do Grêmio Maringá é o reconhecimento do título nacional – caso a CBF não aceite-o, o clube irá procurar a Justiça comum. Assim que alcançado o primeiro objetivo, a luta será por uma vaga na Libertadores. Os paranaenses alegam que podem pleitear o direito à Conmebol já que, em 1970, não houve representantes brasileiros na competição. Naquele ano, o país preferiu se dedicar à preparação para o Mundial.

– Sei que faz muito tempo, mas tudo é possível – concluiu Aurélio.

Otacílio Neto será emprestado ao Noroeste

A limpa no Corinthians continua. Após emprestar Boquita, Dodô e Souza ao Bahia e liberar Iarley ao Ceará, mais um jogador vai deixando o Parque São Jorge. O nome da vez é o de Otacílio Neto. O atacante será emprestado ao Noroeste até o final do Campeonato Paulista.

Conforme explicou o diretor do Noroeste, Beto Souza, o time do interior já tinha tudo acertado com o atleta e, durante a última semana, dirigentes do Norusca estiveram em São Paulo e conseguiram a liberação do atacante com o Corinthians. Sua apresentação no clube deverá ocorrer no dia 3 de janeiro.

- Nós conversamos com Corinthians, eles liberaram sem problemas. Com o jogador já tinha tudo certo bem antes. Ele estava comigo no Goiás e já tinhámos tudo acertado. Ele me deu a palavra, dia 3 de janeiro se apresenta - explicou.

Conforme explicou o dirigente, a equipe do interior pagará parte dos salários do jogador.

Otacílio Neto ganhou destaque pelo mesmo Noroeste no Paulistão de 2008 e foi contratado pelo Timão. Sem muito espaço na equipe alvinegra, passou a ser emprestado e chegou atuar por Barueri, Ponte Preta e Goiás.

Corinthians campeão Mundial de 1952




Recentemente, em meio a muita polêmica, a Confederação Brasileira de Futebol - CBF homologou os títulos da Taça Brasil e Roberto Gomes Pedrosa, ascendendo Santos e Palmeiras a condição de maiores vencedores do campeonato brasileiro de futebol.
Tal reconhecimento baseou-se em levantamentos do jornalista Odir Cunha, sendo homologado pela CBF sob o fundamento de que ambos torneios eram as principais competições da época, já que o campeonato brasileiro só começou a ser disputado em 1971.
Na esteira desta discussão surge, ainda, a polêmica dos campeões mundiais de clubes. A disputa da Copa Intercontinental de clubes, atual campeonato mundial da FIFA, começou a ser disputada no ano de 1960, tendo como primeiro campeão o Real Madrid - ESP.
Mas, afinal, só houve campeões mundiais a partir de 1960? Para muitos, não!
Disputada inicialmente em 1952, a Pequena Taça do Mundo reunia os dois melhores clubes da América do Sul e os dois melhores da Europa, que, por sua vez, enfrentavam-se em jogos de ida e volta (totalizando 6 partidas) até definir o maior pontuador, logo, o campeão do torneio.
O torneio foi realizado nos anos de 1952, 1953, 1955, 1956, 1957, 1963 e 1975, tendo como campeões Real Madrid, Corinthians, São Paulo, Real Madrid, Barcelona e São Paulo, respectivamente.
Ora, se a Copa Intercontinental de clubes só começou a ser disputada a partir de 1960 e se a Pequena Taça do Mundo era, até então, o principal torneio de clubes do Mundo, por que não reconhecer seus campeões?
Desta forma, o São Paulo ficaria com quatro títulos mundiais (55/92/93/05) e o Corinthians com dois (53/00), fazendo justiça a excelente equipe tricolor e ao esquadrão alvinegro dos anos 50, para muitos a melhor equipe da década no Brasil.

Veja abaixo a campanha do título corinthiano de 1953.




Sede: Venezuela

Campeão: Sport Club Corinthians Paulista

Vice-campeã: A. S. Roma-ITA

Artilheiro: Luizinho (COR) - 5 gols

ELENCO: Cabeção, Idário, Goiano, Homero, Olavo, Julião, Cláudio, Luizinho, Carbone, Mário e Baltazar.

OPONENTES: Barcelona-ESP (Velasco; Biosca, Segarra, Flotats, Hanke; Bosch, Gonzalvo, Lásló Kubala*, Basora; Manchón e Moreno), Roma-ITA (Destaques eram Gandolfini e Perissinoto) e Caracas XI-VEN.

JOGOS:



11/07/1953

ROMA 2 x 1 CARACAS XI



14/07/1953

CORINTHIANS 1 x 0 ROMA (Luizinho)



16/07/1953

BARCELONA 2 x 3 CARACAS XI



18/07/1953

CORINTHIANS 3 x 2 BARCELONA (Luzinho (2) e Carbone)



21/07/1953

CORINTHIANS 2 x 1 CARACAS IX (Cláudio e Carbone)



23/07/1953

BARCELONA 1 x 0 ROMA



25/07/1953

ROMA 2 x 2 CARACAS IX



27/07/1953

CORINTHIANS 1 x 0 BARCELONA (Goiano)



29/07/1953

BARCELONA 4 x 2 ROMA



31/07/1953

CARACAS IX 0 x 2 CORINTHIANS (Cláudio (2))



01/08/1953

BARCELONA 3 x 2 CARACAS IX



02/08/1953

CORINTHIANS 3x1 ROMA (Cláudio e Luzinho (2))



* O húngaro Lásló Kubala era a grande estrela deste torneio, sendo responsável direto pela conquista do bicampeonato espanhol do Barça. No entanto, todo talento do craque húngaro sucumbiu a classe de Luizinho "o pequeno polegar", que, além de artilheiro, foi eleito o melhor jogador da copa.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Juventus: Amor que rompe Barreiras




O primeiro de muitos. O segundo de todos. Esta é uma expressão que define a torcida juventina. Muito mais que uma reunião de pessoas, os jogos do Juventus são uma verdadeira confraternização entre amigos. Raros são os que não se conhecem. Esta singular particularidade é uma característica que nasceu com o Juventus e que expressa toda a simpatia que o Clube goza nos meios esportivos.

Unidos na dor e na alegria, os juventinos são perseverantes e seguem a sua paixão com amor incondicional, sempre exigindo que o seu querido Clube brigue incansavelmente pela vitória e que nunca desista da luta.

Entretanto, a emoção de ser juventino está acima de qualquer resultado positivo ou negativo. É uma tradição que rompe a barreira do tempo e da compreensão.

Muitos de seus torcedores residem num dos bairros mais charmosos da cidade, a Mooca. Existe uma lei tácita entre os torcedores do Juventus que dividem o seu amor com outro clube. Uma vez dentro da Javari não se pergunta, muito menos se celebra resultados de outros times. Ali todos se unem pela gloriosa camisa grená.

Inovadora, a torcida do Juventus canta e incentiva durante os 90 minutos. Um dos rituais mais típicos da massa juventina no Estádio da Rua Javari é acompanhar os jogos atrás da meta do goleiro adversário, num espetáculo à parte que até já virou atração paralela ao jogo.

Nestes últimos anos a torcida juventina tem crescido e se renovado. Prova deste crescimento é demonstrada no Campeonato Paulista de 2008, quando o Juventus foi apontado como o 10º maior público da competição.

Minha visita á República Popular do Corinthians



"La U" confirma interesse em Defederico



Liberado por Tite para ser emprestado na próxima temporada, Matías Defederico segue com o futuro indefinido. Após sondagens de clubes argentinos e do Brasil, o hermano entrou também na lista de reforços do Universidad do Chile. No entanto, a diretoria corintiana tem como projeto emprestá-lo para um clube brasileiro em 2011. Atlético-PR é o principal interessado.

Olímpia - PAR: Próximo de fechar com Bobadilla



O futuro de Aldo Bobadilla, enfim, está próximo de ser conhecido. Após ter sido anunciado como reforço do Atlético Júnior (COL) no início do mês, o goleiro corintiano recebeu nesta semana uma proposta do Olimpia (PAR).

Aos 34 anos, Bobadilla tem contrato com o Timão até dezembro de 2011. Apesar de ter desautorizado a transferência para a equipe colombiana, o Corinthians não deverá continuar contando com o goleiro, que foi contratado após ter representado o Paraguai na última Copa do Mundo.

Reserva de Julio Cesar durante todo o Campeonato Brasileiro, Bobadilla, de 34 anos, sequer estreou pelo Timão e acabou perdendo a posição de segundo goleiro para o jovem Rafael Santos com a chegada de Tite.

Fenerbahçe (TUR) frustra planos do Corinthians e não libera Cristian

A diretoria do Fenerbahçe (TUR) frustrou os planos do Corinthians em contar com a volta de Cristian em 2011. Em reunião com um dos empresários do jogador, Renato Costa, sócio de Carlos Leite, o clube turco afirmou que não vai liberá-lo.

- O Cristian foi titular lá nos últimos jogos, tem sido um dos melhores da equipe. O técnico (Aykut Kocaman) faz questão de tê-lo na equipe e já avisou a diretoria que não abre mão dele no Fenerbahçe (TUR). Portanto, não há nenhuma chance de ele voltar para o Brasil em 2011 - garantiu Renato Costa, que desembarcou no Brasil na manhã desta quarta-feira.

Cristian foi vendido em julho de 2009 com o lateral-esquerdo André Santos. Só por ele, o Fenerbahçe (TUR) pagou 7 milhões de euros (cerca de R$ 15,5 milhões) e firmou um contrato até julho de 2014. Pelo investimento feito, os turcos também não gostariam de vê-lo saindo agora.

O presidente Andrés Sanchez garantiu a Carlos Leite que gostaria de contratá-lo se ele conseguisse a liberação. No entanto, a tentativa foi frustrada.

O jogador chegará ao Brasil nesta quarta-feira, onde passará as festas de fim de ano. Em janeiro, ele terá de se reapresentar ao Fenerbahçe (TUR).

Adriano garante que continua na Roma em 2011

Não é desta vez que o torcedor do Corinthians vai poder ver a dupla Ronaldo e Adriano em campo com a camisa do seu time. Pelo menos é o que garante o Imperador. Depois de acertar salários com o Timão, o atacante não conseguiu a liberação da Roma e vai ficar na Itália na sequência da temporada.

- Eu realmente conversei com o Ronaldo pois não estava feliz por não estar jogando na Itália. Eu queria voltar para o Brasil por seis meses. Mas a presidente da Roma (Rosella Sensi) conversou comigo e me deu total apoio, me pediu paciência pois eu iraia voltar a jogar - afirmou Adriano.

Um dos maiores entusiastas da contratação do Imperador era o atacante Ronaldo. Em várias entrevistas o Fenômeno não escondeu a vontade de reeditar a dulpa da Seleção Brasileira com o camisa 8 da Roma. Mas Adriano garante que ficará na Itália e já tem data marcada para retornar à Europa, dia 29.

- O Ronaldo sempre falou que queria voltar a jogar comigo. Acho que seria um sonho, mas agora não vai dar. Pretendo cumprir meu contrato com a Roma e Deus sabe o que faz - disse.

O Imperador foi convidado por telefone pelo Fenômeno para atuar ao seu lado em 2011. Após acertar bases salárias com o Corinthians, que geravam em torno de R$ 400 mil, o atacante não conseguiu a liberação da Roma. A princípio o clube paulista esperava uma negociação por empréstimo e sem custos, no entanto teve a informação que o clube italiano iria querer o reembolso das luvas que pagou ao jogador quando o contratou junto ao Flamengo.


O Palmeiras e o Flamengo eram os outros interessados no atacante. O Verdão chegou a fazer uma proposta para a Roma por um empréstimo de um ano do Imperador

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Andrés ironiza Felipe no Fla: 'Estão acostumados com goleiros'

As recentes troca de farpas entre o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, e o goleiro Felipe, recém-contratado pelo Flamengo, respingou no clube da Gávea. Nesta terça-feira, o mandatário foi perguntado se o arqueiro poderia causar algum problema no Rio de Janeiro. A resposta foi irônica.


- Isso é problema do Flamengo. Eles estão acostumados com goleiros. Cada um com os seus problemas. Já tenho os meus - afirmou à Rádio Globo.

A declaração é uma clara referência a Bruno, ex-goleiro do Fla, que, no início de dezembro, foi condenado pela Justiça do Rio a quatro anos e seis meses de prisão por sequestro, lesão corporal e constrangimento ilegal a Eliza Samudio, sua ex-amante que está desaparecida desde junho.


O entrevero com Felipe vem desde o início de 2008, quando o jogador pediu aumento para continuar no clube, que havia sido rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro no ano anterior.

Na parada da Copa do Mundo da África do Sul, aconteceu o estopim para a saída do atleta do Parque São Jorge. Alegando ter uma proposta do Genoa (ITA), Felipe pediu para deixar a concentração da equipe em Lindóia (SP), mas não foi atendido. Depois que a delegação retornou a São Paulo, o negócio melou e ele passou a treinar separadamente do grupo. Acabou indo para o Sporting Braga (POR), em agosto.

- A cada três meses, ele vinha pedir aumento e eu dava. Deixei ele rico. Ele vai para o Flamengo com um kit pesadíssimo - completou Andrés.

Além de ironizar o Flamengo, o dirigente também citou o suposto interesse do rival São Paulo em trazer para o Brasil o astro David Beckham, que atualmente defende o Los Angeles Galaxy (EUA).

- Tem o perfil do time do São Paulo. Seria um casamento perfeito - brincou o presidente.

David Beckham, conhecido mundialmente não só pelo bom futebol. Também chama a atenção da mídia por atuar como modelo e prezar pela sua imagem e vaidade.

Presidente confirma que já sondou Kleber e Valdivia

O conturbado momento atual vivido no Palmeiras levou o presidente corintiano, Andrés Sanchez, a comentar sobre um possível interesse em importantes atletas do rival.

Indagado pela Rádio Globo, na tarde desta terça-feira, sobre Kleber, que reclamou recentemente salários atrasados, o mandatário citou que a rivalidade não seria problema para contratar.

– Eu nunca vi ele falando que era palmeirense, só dizendo que gostava muito da torcida. Seria uma honra tê-lo no Corinthians. Tentamos algumas vezes trazê-lo, mas não deu certo. Ele tem a cara do Corinthians – comentou o presidente.

Na época, o Timão tentou a contratação do Gladiador no fim de 2008. Agora, Kleber poderia ser novamente uma alternativa ao Timão.

Sobre o chileno Valdivia, que também recentemente trocou farpas com a direção alviverde, após discordância quanto à carta de recomendações para as férias, não assinada pelo meia, também com salários atrasados, Andrés comentou que tentou a contratação ainda quando o atleta negociava sua volta ao Palmeiras, mas que, neste momento, não seria possível.

– Não me interesso pelo Valdivia. Quando eu queria, ele não pôde vir. quando foi dito a proposta que ele tinha, disse que poderia seguir viagem – finalizou o presidente.

Andrés Sanchez: Carta de fim de ano á FIEL

Nação Popular do Corinthians,

Apesar dos insucessos experimentados dentro de campo, entendo ser correto fazer uma avaliação bastante positiva deste ano tão importante que se encerra, no qual comemoramos nosso centésimo aniversário.

Penso que a eliminação na Taça Libertadores – depois de termos feito a melhor campanha na primeira fase – e a perda do Campeonato Brasileiro – no qual fomos derrotados por nós mesmos – devem ser encaradas sob dois enfoques.

Em primeiro lugar, há sim, claro, a imensa frustração que é minha e é de todos vocês, os milhões de torcedores da nossa Nação. Foram derrotas, de fato, muito doloridas, em relação às quais a Diretoria assume sua inteira responsabilidade.

Em segundo lugar, não se pode ignorar que vários detalhes precisam ser corrigidos, mas também não se pode jogar na lata do lixo toda a base de um trabalho que, se não alcançou o topo, chegou perto. Essa é a tarefa que cabe ao administrador: ter a serenidade e a sabedoria para aprender com os erros, sem se desfazer dos acertos.
Mas o Corinthians não é só futebol.

Experimentamos dezenas de conquistas nas outras modalidades, e, em nome de todas elas, igualmente importantes, igualmente merecedoras, louvo os títulos do Futsal e da Natação. Fora das disputas esportivas, os processos de reestruturação administrativa e solidificação da nossa imagem continuaram a todo vapor.

A nossa marca é, hoje, considerada a mais valiosa entre todos os clubes de futebol do país. O número de parceiros que desejam associar-se à nossa marca aumentou em escala geométrica. Não há dúvidas de que a nossa marca é o nosso segundo maior patrimônio. Entre as centenas de licenciamento da nossa marca, nesse ano de comemoração do aniversário centenário, escolho um segmento para destacar: o lançamento de livros. Foram mais de 10 títulos, escritos por estudiosos, jornalistas, torcedores. Todos reverenciando nossa gloriosa história, nossos heróicos fundadores, nossa incomparável paixão. Isso sem contar o excelente filme lançado para retratar nossa vencedora trajetória.

Avalio ser importantíssimo lembrar, também, a entrega para uso dos atletas do nosso moderníssimo Centro de Treinamento. Exigência centenária, enfim conquistamos essa vitória essencial para um crescimento ainda maior da nossa equipe de futebol.

Menção merece, ainda, a aprovação pelo Conselho Deliberativo de um projeto verdadeiramente factível para construção de um Estádio. A evolução do projeto acha-se em andamento. Todas as pendências estão sendo solucionadas. As expectativas são alvissareiras.

Por fim, quero dar especial atenção às inúmeras manifestações festivas em homenagem ao centésimo aniversário do Corinthians. As incontáveis demonstrações de amor e devoção foram emocionantes. Aplaudo e, em nome do Corinthians, agradeço a todas, sem exceção. E assumindo o ônus de ser injusto, ouso salientar duas.

Em primeiro lugar, a revitalização do marco de fundação do clube, no Bom Retiro. Um gesto de gratidão aos fundadores e um ato de profunda veneração a nossa sagrada história.

Em segundo lugar, a festa da virada, no Vale do Anhangabaú, que reuniu mais de 200 mil Corinthianos. Foi uma lindíssima e comovente manifestação coletiva, protagonizada justamente por nosso maior patrimônio, os membros da nossa Nação Popular. Foi de arrepiar.

Feliz Natal e um Feliz 2011.

Saudações corinthianas,

Andrés Sanchez
Presidente

Rogério vai jogar a Terceira Divisão do Paulista



O Grêmio Osasco aposta em velhos conhecidos do torcedor paulista para fazer sucesso na próxima Série A3 estadual. A equipe, que será comandada pelo ex-corintiano Vampeta terá em sua defesa dois outros jogadores que passaram pelo Timão. O lateral-direito Rogério, que também já defendeu as cores de Palmeiras e Fluminense, fará companhia ao zagueiro Nenê, que jogou no Alvinegro entre 1999 e 2000.

– Montamos um time experiente, para subir, como o clube merece. Essa é a expectativa – explica o presidente Lindemberg Assis.

A estreia da equipe na competição será no dia 30 de janeiro, em Rio Claro, diante do Velo Clube.

No último sábado, em partida amistosa, o Osasco venceu o União de Araras por 3 a 1, com dois gols de Rogério. O jogo aconteceu no estádio Hermínio Ometto, em Araras.

– Os resultados nos dão confiança – finaliza o mandatário.

Tolima; os segredos da equipe colombiana

Uma equipe rápida, entrosada e que tem na bola parada sua principal arma. Porém, o setor defensivo esquerdo cede muitos espaços para cruzamentos e a bola aérea é um dos pontos fracos do goleiro. Assim pode ser definido o colombiano Tolima, adversário do Corinthians na Primeira Fase da Libertadores.

Para disputar o tão sonhado título continental, o Timão terá dois jogos para eliminar o rival. O primeiro acontecerá no Pacaembu, dia 26 de janeiro. A volta está marcada para 2 de fevereiro, na cidade de Ibagué, interior da Colômbia.

Se os comandados de Tite terão a desvantagem de fazer o confronto decisivo longe de sua torcida, pelo menos não haverá a preocupação com um adversário muito temido, principalmente na Libertadores: a altitude. Ibagué está a apenas 1.225 metros do nível do mar, fato que não implica em complicações respiratórias para os corintianos.

A derrota por 3 a 1 para o Once Caldas, na noite do último domingo, fez com que o Vinho e dourado, como é conhecido devido as cores de seu uniforme, terminasse como vice-campeão. Mais que isso, expôs algumas das características do time. O gol de honra foi marcado em uma das principais jogadas do Tolima: as cobranças de falta do meio-campo Rodrigo Marangoni.

No último jogo, ele encontrou a cabeça do lateral-direito Danny Aguilar, mas os corintianos também devem ficar atentos a outros colombianos. O zagueiro Arrechea costuma subir ao ataque para deixar sua marca em jogadas aéreas.

No entanto, se a equipe ataca bem pelo alto, não se pode dizer o mesmo da defesa. O goleiro Antony Silva tem dificuldades nas saídas de bola, fato que pode ser bem aproveitado pelos jogadores altos do Corinthians. Jucilei, Paulo André e, quem sabe, Adriano podem aproveitar eventuais vacilos do camisa 1 da equipe colombiano.

Jorge Henrique ou Dentinho são dois atacantes que podem ser decisivos no confronto. Já que o lateral-direito Vallejo é considerado lento e costuma deixar espaços.

Aos poucos, o vice-campeão colombiano começa a ser desvendado. Tite e o Corinthians têm de estudar para não serem surpreendidos pelo Tolima, em janeiro.




Osvaldo Hernandéz, Editor de Esporte do “La Patria”
"Sem dúvida, o Tolima é uma das poucas equipes que se sustentou ao longo dos últimos anos. Isso permite ao clube ter o que os técnicos chamam de memória coletiva, que começou com o treinador Jorge Luis Bernal e segue hoje com o atual técnico Hernán Torres.

Todo os jogadores da equipe jogam em bloco e deixam poucos espaços para os adversários. Um dos pontos fortes do Tolima é a bola parada, porque o elenco conta com o meia criativo Rodrigo Marangoni e o volante Gustavo Bolívar, como bons cobradores. Além deles, o zagueiro central Yaír Arrechea se destaque com vários gols de cabeça.

Mas a defesa tem problemas. Os treinadores que enfrentam o Tolima dizem que o goleiro Antony Silva apresenta muita fragilidade nas jogadas aéreas. Seu lado fraco é o esquerdo, onde atua o lateral-esquerdo Gerardo Vallejo, que é um atleta lento. Os zagueiros centrais se salvam. Ambos têm muita raça e brigam por cada lance com veemência, como se fossem a última bola, a última jogada de suas vidas.

O técnico Hernán Torres arma o time no 4-4-1-1. Hoje, o Tolima é a equipe que joga o melhor futebol na Colômbia. Um jogo coletivo, rápido e efetivo."

Hebe Camargo: Após 25 anos apresentadora deixa o SBT




A apresentadora Hebe Camargo não é mais funcionária do SBT. A "primeira dama da TV brasileira" fez o anúncio de sua saída do canal no final da tarde desta segunda-feira (13), ao ler uma carta para a plateia que acompanhava a gravação do último programa do ano, previsto para ir ao ar no dia 27 de dezembro.

Segundo Claudio Pessutti, sobrinho e empresário de Hebe, a notícia foi comunicada à equipe técnica antes da gravação do programa, que acabou às 16h30. Ao término dele, Hebe leu uma carta de próprio punho, o que pegou de surpresa o público.

Pessutti não especificou ao G1 os motivos que levaram a apresentadora de 80 anos a sair do SBT, emissora em que trabalhou durante os últimos 25 anos. "Foi apenas o término de contrato", disse por telefone, negando também que ela já teria assinado com as emissoras Record ou Globo.

Na noite de hoje será realizado um jantar de fim de ano com a produção do programa, algo que já estava agendado.

Corte de salário
Segundo informações divulgadas por colunistas especializados na cobertura de TV , Hebe já teria adiantado nas últimas semanas que não renovaria o seu contrato por não concordar em ter o seu salário reduzido. O banco Panamericano, do grupo Silvio Santos, recentemente recebeu um aporte de R$ 2,5 bilhões para cobrir um rombo decorrente de "inconsistências contábeis".

A apresentadora também não estaria satisfeita com o horário que seu programa de entrevistas "Hebe" é exibido (às 20h das segundas-feiras, o que prejudicaria a "audiência nobre). No último domingo (11) ela foi homenageada por Fausto Silva no "Domingão do Faustão" e brincou que gostaria de trabalhar na TV Globo. "Me chama que eu vou", declarou.

Hebe ficou fora do ar durante quatro meses neste ano para se recuperar de um câncer primário no peritônio (membrana que cobre os órgãos do aparelho digestivo). Seu retorno à TV, em um programa especial em março, contou com a participação de artistas como Xuxa, Ana Maria Braga e o cantor Leonardo.

Casseta e Planeta irá acabar em 2011




O humorístico "Casseta & Planeta", Globo, vai acabar. A produção da atração confirmou que o programa deixará de ser exibido em 2011.

"Não vejo como término, mas como um tempo para repensar o programa", disse Hélio de La Peña à Folha.

O "Casseta & Planeta" está há quase 20 anos na grade da emissora. O último programa vai ao ar no dia 21 de dezembro.

A emissora informou, via assessoria, que "o grupo sentiu necessidade de pensar em um novo formato e pediu à Globo para esticar o período de férias e trabalhar nisso, pois os compromissos de um programa semanal no ar comprometem essa tarefa."

A Globo informa ainda que "espera novidades para o segundo semestre de 2011".

Nos últimos meses, o humorístico vinha amargando uma das piores audiências da década, chegando a registrar médias na casa dos 20 pontos de audiência (cada ponto corresponde a 60 mil domicílios na Grande SP). Há dois anos, o programa registrava 30 pontos de média.

A informação é de que apesar do fim do programa, o grupo não vai se separar e já pensa em outro projeto para a TV.

Figueirense próximo de anunciar jovem zagueiro do Corinthians

A reformulação do elenco corintiano para 2011 segue a topo vapor. Após as saídas de Boquita, Souza e Dodô (emprestados ao Bahia) e Iarley (liberado para o Ceará), o zagueiro Renato deve ser o próximo a deixar o clube. Liberado pelo técnico Tite para ser emprestado, ele deve acertar ainda esta semana sua transferência para o Figueirense.

- Renato vai sair. Está mais ou menos acertado com o Figueirense - declarou o presidente Andrés Sanchez, em entrevista à Rádio Globo.


Com contrato até junho de 2012, Renato, de 21 anos, teve poucas oportunidades desde que subiu ao time profissional, em 2009. No meio deste ano, o zagueiro chegou a defender o Bahia por empréstimo, mas não adaptou-se e voltou ao Corinthians.

Apesar da contratação de Wallace, do Vitória, o Corinthians segue na busca por zagueiro mais experiente para suprir a ausência de William, que se aposentou. Anderson Polga, do Sporting (POR), e Henrique, do Racing Santander (ESP), são os alvos para o setor.


Atualmente, a equipe conta com seis zagueiros: Chicão, Paulo André, Leandro Castán, Wallace, André Vinicíus e Thiago Heleno. O último, aliás, também está com os dias contados no clube.

Iarley é o novo reforço do Ceará

Aos poucos, o Corinthians se desfaz de peças que não agradaram em 2010 e se reformula de olho na próxima temporada. Depois de emprestar Souza, Boquita e Dodô ao Bahia, o Timão liberou Iarley, que foi emprestado ao Ceará, seu time de coração que já defendeu entre 2001 e 2002. Ele fechou compromisso até junho do ano que vem, quando vence o contrato com o clube do Parque São Jorge.

Segundo o empresário do jogador, Clóvis Dias, não haverá prejuízo financeiro para Iarley, que terá parte do salário de mais de R$ 100 mil bancado pelo Corinthians. A prática é semelhante do que acontece com Souza no Bahia.


Contratado no início deste ano devido à experiência que tem, o atacante de 36 anos não correspondeu às expectativas. Em 57 jogos disputados pelo Alvinegro, marcou dez gols.

Até agora, o Vovô contratou quatro reforços: o atacante Júnior (ex-Vitória), o zagueiro Juninho (ex-Itumbiara-GO) e o volante Welington Monteiro (ex-Goiás).

Outro atleta com que o Corinthians não vai contar em 2011 é o meia Eduardo Ramos. Rebaixado com o Grêmio Prudente no Brasileiro passado, ele foi emprestado ao Náutico até o fim do ano que vem. O vínculo com o Timão vai até dezembro de 2012.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Corinthians x Éspoli - EQU Quase uma tragédia




No dia 1º de maio de 1996, um sério acidente numa tentativa frustrada de decolagem do avião que traria de volta a delegação do Corinthians para o Brasil após um jogo em Quito, no Equador, quase acaba em tragédia.

A bordo da aeronave os jogadores comemoravam com champanhe a vitória de 3 a 1 sobre o Espoli, do Equador, quando "viram a morte de perto", como definiu o zagueiro Cris. Às 18h45 daquela quarta-feira, 80 pessoas entre jogadores, comissão técnica, torcedores e jornalistas estavam prontas para decolar de Quito rumo a São Paulo.

Chovia forte no momento da tentativa de decolagem efetuada pelo comandante Cledir da Silva, nos controles do Boeing 727-2B6, prefixo PP-LBY, da companhia aérea FLY.

Eram 17 horas locais (19 horas de Brasília). Na aeronave 72 pessoas a bordo. A pista do aeroporto Mariscal de Sucre é considerada uma das mais perigosas do mundo.

Quarenta e seis segundos após o início da corrida, quando o avião deveria estar levantando vôo, os passageiros descobriram o que o comandante já sabia: o 727 não iria decolar. Na realidade ele já havia iniciado os procedimentos para abortar a decolagem, isso a mais de 200 quilômetros por hora.

Nesse momento a aeronave patinou, saiu da pista, deslizou pela grama e destruiu tudo pela frente, incluindo cercas e o muro onde finalmente parou quase nas ruas da capital do Equador. O tanque de combustível da asa direita rompeu-se e derramou combustível sobre o trem de pouso que se partia e as faíscas deflagraram um incêndio que atingiu a aeronave que já estava com sua cabine destruída e a fuselagem partida ao meio.
O pronto atendimento dos bombeiros evitou o incêndio total da aeronave e o fogo foi logo apagado. Segundo o comandante, no momento em que o avião taxiava, chovia pouco, mas aumentou ao tentar arremeter. "Infelizmente, a pista não foi suficiente para que a aeronave parasse a tempo", garantiu Cledir: "Tivemos muita sorte porque poderíamos ter morrido todos", disse. "Evitei uma tragédia."

"É difícil falar o que houve", afirmou o goleiro Ronaldo. "Mas vou lembrar-me disso por muito tempo ainda." O goleiro ainda afirmou: "O piloto foi sensacional."

Conforme um porta-voz do DAC (Departamento de Aviação Civil) equatoriano, o avião, ao atingir o muro no final da pista, teve um princípio de incêndio na turbina direita, logo controlado pelos bombeiros. O fogo começou quando o comandante reverteu bruscamente os motores para diminuir a velocidade.

"Tinha a sensação de que todos íamos morrer", contou o diretor de Futebol Jorge Neme. "Na hora do impacto, as pessoas foram arremessadas para frente e houve pânico". "Foi horrível. O avião batia em muretas e a fuselagem ia rasgando. As cadeiras voavam, os vidros se quebravam e as pessoas não paravam de gritar. Pela janela, via-se fogo na asa e o querosene vazava para todos os lados. O avião só parou depois de bater de frente em um muro e invadir uma avenida", relatou o jornalista Ricardo Capriotti, da Rádio Bandeirantes, que estava na aeronave.

"Houve uma neurose generalizada", atestou o médico do Corinthians, Paulo Farias. "Todos queriam sair do avião ao mesmo tempo." O jogador Tupãzinho foi quem mais se machucou. Com o corpo tomado pelo querosene, ele não esperou que os tobogãs de emergência inflassem e saltou do avião. Torceu o tornozelo e teve algumas queimaduras. Outros cinco passageiros sofreram escoriações leves e o piloto, comandante Cledir Joaquim da Silva, cortou o rosto. Um saldo positivo. Se o avião tivesse saído do chão, poderia ter batido de frente em uma das montanhas que compõem a Cordilheira dos Andes e cercam o aeroporto Mariscal Sucre, no centro de Quito. A direção do Aeroporto informou que houve apenas feridos leves.

O DAC do Equador admite três hipóteses: a ruptura do trem de aterrissagem dianteiro, uma falha nos motores ou mesmo o avião ter patinado na pista devido à chuva. Uma das comissárias do vôo, Carmem, declarou que o avião não estava em perfeitas condições desde que saiu de São Paulo, mas não entrou em detalhes.

Sabe-se que para fazer o vôo com apenas uma escala, em Porto Velho, o Boeing estava com os tanques cheios e muito pesados para uma pista pequena como a de Quito. A tripulação do avião permaneceu na capital equatoriana durante o período de inspeção e a FLY informou que "Desde que a aeronave foi adquirida pela empresa, há quarenta dias, não havia nenhum sinal de problemas em nenhum de seus vôos."

O avião foi adquirido da Royal Air Maroc, companhia aérea marroquina. O comandante Cledir, que já havia pilotado o avião antes dessa viagem, disse à empresa que também não sabia o motivo do acidente. "Segundo ele, no momento em que decidiu abortar a decolagem, o avião deveria frear normalmente, até o final da pista", relatou Mello. "Mas a aeronave não parou, não se sabe se pelo fato de a pista estar molhada ou por influência dos ventos."

Libertadores-2011 enfim tem todos os seus 38 integrantes

Os últimos dois participantes da Copa Libertadores da América de 2011 foram conhecidos neste domingo. Assim, o principal torneio das Américas do próximo ano já tem todos os seus 38 clubes definidos.

Neste domingo, a Colômbia definiu seu último representante. O Deportes Tolima já estava classificado, mas como perdeu o título do Finalización para o Once Caldas (derrota por 3 a 1, depois de ter vencido por 1 a 0), acabou ficando na Pré-Libertadores (vai encarar o Corinthians). Já o Once Caldas, campeão da Libertadores em 2004, ficará no Grupo 1.

A terceira vaga que faltava ser preenchida saiu de um quadrangular mata-mata no Chile. Huachipato, Audax Italiano, Unión Española e Universidad de Chile disputaram a vaga. Melhor para o Unión Española, que segurou o empate em 1 a 1 com o Audax neste domingo e ficou com a vaga - havia vencido o primeiro jogo por 2 a 1.

Confira os confrontos da fase preliminar e os grupos:

PRÉ 1 - Corinthians x Tolima (COL)
PRÉ 2 - Alianza Lima (PER) x Jaguares (MEX)
PRÉ 3 - Cerro Porteño (PAR) x Deportivo Petare (VEN)
PRÉ 4 - Bolívar (BOL) x Unión Española (CHI)
PRÉ 5 - Independiente (ARG) x Deportivo Quito (EQU)
PRÉ 6 - Liverpool (URU) x Grêmio

GRUPO 1
Universidad San Martín (PER)
Libertad (PAR)
Once Caldas (COL)
San Luis (MEX)

GRUPO 2
Junior Barranquilla (COL)
Oriente Petrolero (BOL)
León de Huánuco (PER)
Liverpool (URU) ou Grêmio

GRUPO 3
Argentinos Juniors (ARG)
Nacional (URU)
Fluminense
América (MEX)

GRUPO 4
Caracas (VEN)
Universidad Católica (CHI)
Vélez Sarsfield (ARG)
Bolívar (BOL) ou Unión Española (CHI)

GRUPO 5
Santos
Colo-Colo (CHI)
Deportivo Táchira (VEN)
Cerro Porteño (PAR) ou Deportivo Petare (VEN)

GRUPO 6
Internacional
Jorge Wilstermann (BOL)
Emelec (EQU)
Alianza Lima (PER) ou Jaguares (MEX)

GRUPO 7
Estudiantes (ARG)
Guaraní (PAR)
Cruzeiro
Corinthians ou Tolima (COL)

GRUPO 8
LDU (EQU)
Peñarol (URU)
Godoy Cruz (ARG)
Independiente (ARG) ou Deportivo Quito (EQU)

Tolima será o adversário do Timão na Libertadores-11



O Tolima será o adversário do Corinthians na primeira fase da Copa Libertadores da América de 2011.


Na noite deste domingo , o clube de Ibagué (COL) perdeu por 3 a 1 para o Once Caldas, no estádio Palogrande, em Manizales, e ficou com o vice-campeonato do Torneio Finalización. Os mandantes conquistaram o título.


Mesmo com a segunda colocação, o Tolima está classificado para o torneio sul-americano. O primeiro confronto com o Timão está marcado para o Pacaembu, no dia 26 de janeiro. No dia 2 de fevereiro, acontece o jogo de volta, na Colômbia.

Quem se classificar deste embate, entrará no grupo 7, cujos componentes já estão decididos: Estudiantes (ARG), Cruzeiro e Guaraní (PAR).

domingo, 19 de dezembro de 2010

Adriano chega ao Brasil e define futuro nesta segunda

Adriano caminha para os últimos capítulos de sua negociação com o Corinthians. No início da noite deste domingo, ele desembarcou no Brasil ao lado do companheiro de Roma (ITA), Juan, e o holandês do Milan (ITA) Clarence Seedorf, que é casado com uma brasileira. Nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro, ele sentará com a mãe e conselheira, Rosilda Ribeiro, e o empresário Gilmar Rinaldi, para definir o rumo da carreira em 2011.

De um lado, o Corinthians entende que fez sua parte ao acertar salários e ouvir a palavra do jogador que ele faria de tudo para vestir a camisa do clube no próximo ano.

Ronaldo o convidou, conversou sobre os salários (cerca de R$ 400 mil mensais) e ressaltou que gostaria de tê-lo como um dos companheiros de ataque. O presidente Andrés Sanchez também garantiu todas as condições de trazê-lo por empréstimo de um ano e ouviu dele uma resposta positiva.

Do outro lado, a Roma (ITA) o trata com respeito e garante que não gostaria de vê-lo partir. Nos últimos dias, em reunião com o atacante, a presidente Rosella Sensi repetiu que estava ao seu lado. Há uma semana, Rosella havia afirmado que não iria liberá-lo no próximo ano.
No entanto, ela e os diretores do clube não escondem que Adriano decepcionou pela forma física e não justificou o alto investimento. Ele recebe 3 milhões de euros (cerca de R$ 6,7 milhões) por temporada e atuou em apenas cinco partidas em 2010.

O motivo, além de lesões, foi o mau relacionamento com o técnico Claudio Ranieri. Por diversas vezes, o atacante ficou no banco sem entrar e ouviu do treinador que "jogador infeliz não deveria ficar no clube". Então, Adriano começou a negociar sua volta para o Brasil, apesar das negativas de seu empresário. O Palmeiras, por meio do técnico Luiz Felipe Scolari, que também ligou para convencê-lo, fez proposta oficial.

Por Adriano, ele tenta obter a liberação da Roma (ITA) para jogar pelo Corinthians em 2011. Por Rinaldi, ele continua na Europa e cumpre o contrato com o clube italiano, que vai até 2013 – mesmo que tenha afirmado que trabalhará pela vontade do cliente. Pela mãe, o Imperador escolherá o lugar que o fizer mais feliz.

Corinthians goleia o Palmeiras no futebol de areia

O Corinthians venceu o Palmeiras por 8 a 4 na manhã deste sábado pelo "Desafio das Areias". A partida aconteceu no Clube Escola da Lapa, também conhecido como Pelezão, na zona oeste da capital paulista.

Os destaques corintianos do jogo foram Benjamin, Dunga e André, que marcaram dois gols cada. Os outros tentos alvinegros foram anotados por Souza e Anderson. Pelo Verdão, Adielson fez dois gols, acompanhado por Bruno Malias e DDI que marcaram os outros dois tentos.

Com a vitória, o Corinthians enfrenta o Vasco da Gama na final do torneio. Os vascaínos bateram o Botafogo por 5 a 1, também na manhã deste sábado. A decisão será disputada neste domingo, às 11h.

Timão tem segundo melhor desempenho da década em 2010

O grande objetivo do Corinthians em seu centenário era levantar um caneco. Os títulos não vieram, mas o desempenho da equipe em 2010 foi bom, pelo menos no que dizem os números. O aproveitamento de 62% dos pontos disputados em 2010 é o segundo melhor desta década, só ficando atrás da marca de 70% do ano de 2008.

Durante a temporada foram 70 jogos: 38 vitórias, 17 empates e 15 derrotas. Apesar do rebaixamento em 2007, quando obteve seu pior aproveitamento, de 42% dos pontos disputados, o Timão termina esta década com oito títulos conquistados.

Outro marco importante foi a sustância da defesa durante este ano. A dupla Chicão e William, muitas vezes ajudados por Paulo André ou mesmo Leandro Castán, sofreu 68 gols em 70 partidas. Média inferior a um gol tomado por jogo.

Em toda a década, o Corinthians conquistou 328 vitórias, 175 empates e sofreu 193 derrotas, em um total de 696 duelos. Com o início de uma nova década em 2011, o Timão terá pela frente o Campeonato Paulista, Taça Libertadores da América e Campeonato Brasileiro.

Confira o aproveitamento do Corinthians na década de acordo com o site oficial do clube:

Ano/Aproveitamento

2001 - 53%
2002 - 61%
2003 - 47%
2004 - 50%
2005 - 60%
2006 - 50%
2007 - 42%
2008 - 70%
2009 - 57%
2010 - 62%

Riquelme é o mico do centenário do Corinthians

O Corinthians esteve muito próximo de contratar Riquelme no início do ano do centenário. Depois de acertar com o jogador e o Boca Juniors, marcou o dia da apresentação do meia argentino para 15 de janeiro. Alguns dias antes, porém, Riquelme telefonou e disse que não iria mais para o Brasil

Corinthians é condenado em R$ 400 mil

O Corinthians foi condenado a pagar cerca de R$ 400 mil ao empresário Moacir da Cunha Viana pela venda de Wilson para o Genova (ITA). Em 2008, quando o atacante deixou o Alvinegro, Viana tinha 50% dos direitos econômicos e reivindicava o dobro. A decisão da Justiça é em primeira instância e ainda cabe recurso.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Bragantino anuncia Gléguer como preparador de goleiros

Aos 34 anos, o ex-goleiro Gléguer nem mesmo deixou os gramados e já está de volta ao futebol. Depois de uma passagem discreta pelo América-MG, nesta temporada, Gléguer resolveu se aposentar, mas já foi anunciado como preparador de goleiros do Bragantino, que se prepara para disputar o Campeonato Paulista de 2011.

Em sua carreira, o ex-goleiro, que foi revelado pelo Guarani, defendeu clubes como Corinthians, Portuguesa, Náutico-PE, América-RN, além do Vitória-BA, onde conquistou o Campeonato Baiano, em 2009.

Além de Gléguer, chegaram ao Bragantino, o lateral-esquerdo Bruno Bertucci, de 20 anos, emprestado pelo Corinthians, além do volante Flávio Paulino, 21 anos, que estava no São Paulo.

O treinador Marcelo Veiga ficou satisfeito com a chegada dos novos reforços. “Fico feliz com a chegada do Gléguer. É uma nova etapa na vida dele e ele tem experiência para se dar bem. Quanto aos reforços, são dois garotos. A expectativa é que eles se apresentem bem e consigam fazer um bom trabalho no novo clube”, disse.

Pelo Paulistão, o Bragantino estreia no dia 16 de janeiro, fora de casa, contra o Americana.

Juventus: Time da Mooca acerta contratação de Viola e Gilmar Fubá

Se preparando para a disputa do Campeonato Paulista da Série A3, o Juventus acertou a contratação de dois jogadores de peso para conquistar o acesso. Tratam-se do volante Gilmar Fubá e do atacante Viola.
Ambos chegaram através dos investidores que estão tomando conta do futebol do Moleque Travesso. A informação foi confirmada pelo diretor de futebol Paulo Sérgio. Além deles, outro que desembarcou na Mooca foi o lateral-direito Marco Aurélio, ex-Santos e Paulista.

"Estamos ainda em busca de alguns reforços e esperamos nos próximos dias acertar a contratação de mais alguns jogadores. Também queremos agendar amistosos para a inter-temporada", afirmou o dirigente.

Gilmar Fubá defendeu o Noroeste nesta temporada, mas acumula passagens por muitos clubes do futebol brasileiro. Seu grande destaque foi com a camisa do Corinthians, entre os anos de 95 e 2000, quando conquistou três Campeonatos Paulistas, dois Brasileiros e um Mundial de Clubes.

Também revelado pelo Timão, Viola chega com a missão de ser o principal artilheiro do time. Depois de passar por Palmeiras, Santos, Vasco, Guarani, Flamengo e Bahia, o atacante atuou nesta temporada pelo Brusque, disputando o Campeonato Catarinense. Além disso, ele também fez parte do elenco da Seleção Brasileira que conquistou a Copa do Mundo de 94.

Recentemente, Viola esteve participando do reality show A Fazenda 3, da TV Record, mas acabou sendo eliminado nas últimas semanas. Agora, ele volta aos gramados com o objetivo de levar o Moleque Travesso para a Série A2.

De saída do Corinthians, Edu quer conversar com Andrés

O volante Edu Gaspar deve ser informado nos próximos dias de que não faz parte dos planos de Tite para a próxima temporada e que está livre para buscar outro clube.

Sem espaço na equipe, o alto custo-benefício pesa contra a permanência do jogador, revelado no famoso Terrão do clube – recebe cerca de R$ 200 mil mensais e atuou por apenas seis minutos nos oito jogos finais do Brasileiro, período em que o treinador reassumiu o time.

Desde que o campeonato acabou, o atleta passou férias com a família na Argentina e em Trancoso (BA), tentando esquecer o futuro.

- Vou começar a pensar a partir deste sábado. Provavelmente devo entrar em contato com o Andrés (Sanchez). É um cara com quem podemos jogar limpo um com o outro. Nossa relação vai além de jogador e atleta – disse ao LANCENET!.

Por ter um bom relacionamento com o mandatário, o caminho mais provável é a rescisão amigável do vínculo, que vai até o fim de 2011.
Não ser aproveitado por Tite não é uma novidade para Edu. Somando as participações em campo que teve sob o comando do atual treinador, de Adilson Batista e de Mano Menezes, ele atuou em 14 partidas em 2010, sendo apenas seis como titular.

Herói na conquista da Copa São Paulo de 1999, o jogador ainda venceu o Paulista do mesmo ano, dois Brasileiros (1998 e 1999), além do Mundial de Clubes em 2000, no Rio.

Antes de voltar ao Timão, em julho do ano passado, defendeu Arsenal (ING) e Valência (ESP). No entanto, aos 32 anos, lesões musculares o impediram de ter uma boa sequência e cavar uma vaga na equipe.

Corinthians mela negócio de Bobadilla com o Atlético Júnior (COL)

O Atlético Júnior (COL) anunciou que o goleiro paraguaio Aldo Bobadilla não será mais contratado, porque o Corinthians vetou o negócio.

Na última terça-feira, Artur Char, presidente do clube colombiano, havia anunciado a chegada do experiente goleiro de 34 anos, que já atuou na Colômbia – antes de chegar ao Timão, em julho, defendeu o Independiente Medellín por dois anos.

Embora a transferência para a Barranquilla não tenha sido concretizada, Bobadilla não deve seguir no Parque São Jorge no próximo ano.

Contratado pelo Corinthians em julho para suceder Felipe, que havia sido vendido ao Genoa (ITA), o goleiro chegou com duas Copas do Mundo na bagagem – foi titular em 2006 e ficou no banco na África do Sul.

Mesmo com esse status, não jogou nenhuma partida pelo Alvinegro. A grande fase vivida por Julio Cesar o impediu de entrar em campo. No fim do Brasileiro, Bobadilla nem foi para o banco de reservas.

Dodô e Boquita são emprestados para o Bahia

O Bahia oficializou na noite desta sexta-feira o empréstimo do lateral-esquerdo Dodô e do volante Boquita, ambos revelados pelas categorias de base do Corinthians e que faziam parte do elenco corintiano. Com isso, o Timão continua a "faxina" no elenco, que já teve a saída do atacante Souza, também para o Tricolor Baiano.

O jovem lateral Dodô, de 18 anos, é considerado uma das grandes promessas do Timão. Tanto que o jogador quase fechou contrato com o Manchester United (ING), no ano passado. Reserva do experiente Roberto Carlos, o atleta não teve chances em 2010 com nenhum dos três técnicos que passaram pelo clube este ano. Pela seleção de base, Dodô foi campeão do Sul-americano sub-17 e da Copa Sendai de 2009 e 2010.

Já o volante Boquita surgiu nas categorias de base do Corinthians na Copa São Paulo de 2009, ano em que o time levantou o título da competição. Ao contrário de Dodô, Boquita teve muitas chances na equipe profissional, principalmente no ano passado, quando entrou em alguns jogos da Copa do Brasil, outro título conquistado naquele ano. Em 60 partidas pelo time profissional, fez quatro gols. Defendeu a Seleção Sub-20 e foi vice-campeão do Mundial da categoria.

Os dois jogadores se apresentarão no Bahia já para a pré-temporada do clube, visando a disputa do Campeonato Baiano e do Campeonato Brasileiro da Série A.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

FarmaTimão




Em parceria com a PoupaFarma, o Corinthians lançou, no início da noite desta quinta-feira, a FarmaTimão, rede de farmácias que pretende se estender para a cidade de São Paulo.

A primeira unidade foi inaugurada no Parque São Jorge, e a previsão é de que outras 15 lojas franqueadas sejam abertas até o fim de 2011.

Não é a primeira ação de marketing do clube no ano do centenário. O Timão já lançou uma mini TV Digital, uma linha de carnes e outra de geladeiras, estimada em R$ 8.900 cada unidade.

Defederico quer jogar no Independiente - ARG

Matías Defederico será emprestado pelo Corinthians em 2011. E, pela entrevista concedida a uma rádio argentina, seu destino deve ser mesmo o Independiente, algoz do Goiás na Copa Sul-Americana. O meia-atacante, que passa férias em Buenos Aires, afirmou que gostaria de atuar no atual campeão do torneio sul-americano.

- Levo o telefone todo dia comigo. Me chamaram do Independiente, do Boca, do All Boys, do Chile, da Itália... Vou me juntar com meu representante e decidir. O Independiente tem a Libertadores, que, obviamente, incentiva um pouco mais. Temos que ver, porque além disso sou torcedor do Independiente. Eu os acompanhei na Sul-Americana, vi a final na Argentina. Lógico que tenho carinho pelo Huracán, mas pelo Independiente é diferente. Têm uma torcida bonita, um estádio bonito. Tudo ajuda - avisou.

O jogador afirmou que deseja recuperar o prestígio que tinha quando surgiu no Huracán

- Vou pensar no prestígio do clube, mas também a possibilidade de jogar. O importante é conseguir crescer como jogador. Às vezes, você tem de deixar o dinheiro de lado. Quero recuperar o nome que eu tinha no Huracán - completou.

No Corinthians, Defederico não conseguiu provar que o valor investido pelo clube brasileiro, cerca de R$ 8 milhões, foi realizado de maneira correta.

William tenta amistoso entre amigos de Zidane e Ronaldo x Corinthians

O ex-zagueiro William, que se aposentou após o término do Brasileirão, participou do 'Jogo contra a Pobreza' na última terça-feira na Grécia. E, agora, tenta viabilizar um evento parecido no Brasil, com a participação dos astros Ronaldo e Zidane, para ajudar crianças.

O ex-jogador revelou em seu perfil no Twitter que conversou com alguns representantes da Organização das Nacões Unidas para tentar viabilizar a possibilidade de um amistoso, que seria disputado entre os meses de junho e julho do próximo ano, no Pacaembu.

"Estava em Atenas conversando com alguns organizadores para a ONU e ha uma possibilidade de ano q vem ser realizado aqui. O q acham?", escreveu o ex-jogador no @WilliamCapita.

"A ideia é um jogo entre amigos do Ronaldo e do Zidane contra o Corinthians. Homenagem tb a ex jogadores do Timao. Renda revertida p ONU repassar para assistir criancas pelo mundo", completou.

Na última terça, Ronaldo e Zidane reuniram amigos para esse evento que é promovido pelos astros há dez anos em pról do Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas. O Fenômeno viu das arquibancadas, enquanto o francês atuou na partida contra o Olympiacos, dono da casa.

O jogo festivo terminou empatado: o português Sá Pinto fez os gols de Amigos de Zidane e Ronaldo, enquanto Mitroglou marcou duas vezes para o Olympiacos.

A renda obtida na partida será destinada às vítimas do terremoto no Haiti e aos afetados pelas enchentes no Paquistão. A previsão é que 25 milhões de pessoas sejam beneficiadas com a partida que será transmitida para mais de 20 países.

Na última edição, realizada em janeiro deste ano, mais de R$ 1,3 milhão foi arrecadado para as vítimas dos terremotos no Haiti e o público presente no estádio foi de 55 mil pessoas.

Paulistão 2011; O campeonato regional mais disputado do Brasil

O ano de 2011 está chegando e será hora de alguns times participarem de alguns campeonatos que desprezaram nos últimos anos.

O Palmeiras até que já está acostumado com isso, mas o São Paulo beberá do próprio veneno que destilou por um bom tempo através da arrogância de seus dirigentes. Em 2011 o tricolor do Morumbi terá que disputar com toda a gana que puder o "paulistinha" e a "copinha do brasil", como seus dirigentes sempre chamam esses torneios. Toda a força estará voltada para um campeonato que nos últimos seis ou sete anos nos cansamos de ouvir que era torneio preparatório, que era pra treinar os reservas, que era só para os incapacitados. E agora? Como fica? Percebe-se facilmente que o São Paulo nem de longe consegue abocanhar alguma grana com receita de seu estádio. Com show não conta. O estádio está ali para a peleja, por isso é que se chama "estádio de futebol". Já perde também com patrocínio, pois sua visibilidade é menor se não está em transito pelo território latino-americano. E para finalizar, sua torcida encampou o espírito arrogante de seus dirigentes e não valorizam mais esses torneios. Pois deveriam! O Paulista é o campeonato regional mais disputado do Brasil e a Copinha, além de te dar a chance de participar da próxima libertadores, premia os torcedores dos confins desse nosso país com a presença do seu time de coração que se não vier até sua cidade, não tem como ver de perto devido a distância. Não se desanimem! Vocês que estarão nesses campeonatos no próximo ano poderão comemorar. Eles sâo ótimos! E título é título!

1990 - Primeiro título Brasileiro completa 20 anos



Há exatos 20 anos, o Corinthians fazia jus à última linha do seu hino e se tornaria o "clube mais brasileiro" com o título do Campeonato Nacional, o primeiro dos quatro que acumula em 100 anos de vida – outros foram em 1998, 1999 e 2005.

Na tarde de 16 de dezembro de 1990, Tupãzinho, o Talismã da Fiel, aproveitou rebote de Zetti, goleiro do São Paulo, para fazer o gol da vitória corintiana e levar à loucura milhares de alvinegros que dominaram a arquibancada do Morumbi na decisão do torneio.

Três dias antes, também no estádio do rival, o Timão havia vencido pelo mesmo placar (1 a 0), com gol do polivalente Wilson Mano. E o ex-jogador, que teve duas passagens pelo clube (1986 a 1992 e 1994), descreve o lance do qual participou:

– Eram quatro minutos e meio, mais ou menos, do primeiro tempo. O Raí fez uma falta na ponta esquerda do nosso ataque. O Neto bateu cruzado, eu entrei, atrás do Fabinho, com o joelho para fazer o gol. A partir dali, mudou completamente o panorama da partida – lembra o ex-atleta, que hoje é dono de um posto de gasolina em Bariri (SP) e tem 405 jogos e 34 gols com a camisa alvinegra.

O treinador do Corinthians era Nelsinho Baptista. E Mano lembra um episódio decisivo no triunfo.

– No intervalo da segunda final, o Nelsinho chamou a atenção, deu uma bronca, apontando para a prancheta, que depois ele quebrou: "Isso aqui, agora, não adianta mais nada. Agora é coração!" – recorda.

O Corinthians chegou ao título depois de 25 jogos (12 vitórias, oito empates e cinco derrotas). Grande destaque do time considerado limitado, Neto foi autor de nove gols dos 23 da campanha, sendo cinco após as venenosas cobranças de falta.

A conquista foi ainda mais surpreendente porque o Timão avançou para as quartas de final em oitavo, a última posição classificatória. Eliminou Atlético-MG e Bahia para superar o São Paulo na grande final.

Veja a ficha da partida decisiva:

São Paulo 0x1 Corinthians


SÃO PAULO: Zetti, Cafu, Antônio Carlos, Ivan e Leonardo; Flávio, Bernardo e Raí (Marcelo), Mário Tilico (Zé Teodoro), Eliel e Elivélton T: Telê Santana

CORINTHIANS: Ronaldo, Giba, Marcelo Djian, Guinei e Jacenir; Márcio, Wilson Mano e Tupãzinho; Neto (Ezequiel), Fabinho e Mauro (Paulo Sérgio) T: Nelsinho Baptista

GOL: 9' 2ºT> Tupãzinho

CARTÕES: Vermelho W. Mano e Bernardo

JUIZ: Edmundo Lima Filho

RENDA-PUBLICO: Cr$ 106.347.700 / 100.858

ESTÁDIO: Morumbi, São Paulo (SP)

Tolima vence e deixa Once Caldas e Santa Fé na mira do Timão



Na noite desta quarta-feira, o Deportivo Tolima deu o primeiro passo para ser campeão do Torneio Finalización. Com a vitória sobre o Once Caldas, por 2 a 1, a equipe 'vinotinto' se distanciou do confronto com o Corinthians na primeira fase da Libertadores-11.

Caso confirme o caneco no próximo domingo, o Tolima torna-se o representante número 2 da Colômbia na competição sul-americana. O adversário do Timão, então, passaria a ser Once Caldas ou Santa Fé. Neste caso, o placar da finalíssima é que iria definir.

Três situações distintas para definir o adversário do Corinthians:

1) Se o Tolima voltar a vencer o Once Caldas, quem enfrenta o Corinthians é o Santa Fé que, na somatória dos dois turnos, terminaria na frente: 75 a 74.

2) Se o Tolima for campeão domingo com um empate, Santa Fé e Once Caldas empatariam no número de pontos na classificação geral (75 a 75), mas os campeões de 2004 seriam confirmados como adversários do Timão por ter um saldo de gols maior (18 a 17).

3) Se o Once Caldas conseguir a virada no próximo domingo, além de torna-se o representante 2 colombiano, jogaria o Tolima para o confronto com o Corinthians.


Colombianos na Copa Libertadores 2011. Entenda:


Representante 1: Atlético Junior, campeão do primeiro torneio

Representante 2: campeão do segundo turno (Tolima, que joga pelo empate no domingo, ou Once Caldas, que precisará vencer por dois gols de diferença)

Representante 3: maior pontuação dos dois turnos (Tolima, com 86 pontos)*

*Se for campeão, passa a ser o representante 2 automaticamente.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Federação Paulista veta 14 estádios para o Paulistão de 2011

Apenas quatro estádios estão liberados para o início do Campeonato Paulista de 2011. A resolução da Federação Paulista foi divulgada na início da noite de ontem e interditou 14 estádios que seriam utilizados na Série A-1.

A justificativa dada pela Federação se baseia no fato de que todos os times têm de entregar os laudos de seus estádios até 30 dias antes do início da competição. Apenas Canindé, Pacaembu, Santa Cruz, além do Gilberto Siqueira Lopes, em Lins, o fizeram e estão aptos a receber partidas.

– Temos um termo de ajustamento de conduta com o Ministério Público, em que temos de encaminhar 30 dias antes da competição os laudos técnicos dos estádios. Fizemos isso nesta segunda-feira e os estádios que não entregaram os laudos foram interditados – disse o Coronel Marcos Marinho.

Apesar do veto, o Coronel Marcos Marinho vê problemas apenas em dois estádios para a realização de jogos: o Novelli Júnior, em Itu, além do 1 de maio, em São Bernardo. A justificativa é que ambos ainda se encontram em obras e não se sabe se conseguirão laudo antes do prazo.

– Temos de encaminhar até 15 dias antes da partida para o Ministério Público para haver a possibilidade de ser liberado a tempo. Em janeiro a coisa complica um pouco, pois os jogos começam a partir do dia 14 – afirmou.

Os 14 estádios vetados


A resolução da Federação Paulista de Futebol divulgada ontem interdita 14 estádios e os impossibilita de realizar partidas da Série A-1 do torneio. São eles: Morumbi, Alfredo de Castilho (Bauru), Jaime Cintra (Jundiaí), Moisés Lucarelli (Campinas), 1 de Maio (São Bernardo), Anacleto Campanella (São Caetano), Arena Barueri, Bruno José Daniel (Santo André), Amaros (Itápolis), Novelli Júnior (Itu), Eduardo José Farah (Presidente Prudente), Nabi Abi Chedid (Bragança Paulista), Romildo Ferreira (Mogi Mirim) e a Vila Belmiro (Santos).

Souza, do Corinthians, é o primeiro reforço do Bahia

O Bahia anunciou nesta quarta-feira o primeiro reforço para 2011. Trata-se do atacante Souza, que estava no Corinthians. O jogador chega emprestado por um ano ao clube baiano e o Corinthians vai pagar parte do salário do jogador.

O negócio entre o Tricolor e a equipe paulista é semelhante ao que foi realizado com o meia Morais, que participou da campanha de retorno à Série A do Brasileiro, neste ano.

Depois de Souza, o Bahia também confirmou a contratação do meia Magno e do atacante Bruno Paulo, que estavam no Vasco.

FICHA DO JOGADOR:
Nome: Rodrigo de Souza Cardoso
Natural de:Rio de Janeiro-RJ
Data de nasc: 04/03/82
Altura: 1,83m
Clubes que atuou: Madureira, Internacional, Vasco, Marítimo(POR), Panathinaikos(GRE), Goiás, Flamengo e Corinthians
Títulos: Goiano (2007), Carioca (2003, 2006 e 2007), Campeonato Paulista (2009) e Copa do Brasil (2009)

FarmaTimão; Corinthians lança sua própria farmácia

O departamento de marketing do Corinthians segue inovando em lançamento de produtos. Na tarde desta quarta-feira, o clube vai inaugurar sua própria farmácia, localizada na entrada principal do Parque São Jorge. Trata-se da FarmaTimão.

A ideia só foi possível pela associação do Timão com a rede de drogarias PoupaFarma, em conjunto também a Hypermarcas (dona da marca NeoQuímica), principal patrocinadora da camisa alvinegra.

A intenção dos responsáveis é que, no início do próximo ano, o projeto de franquias alcance 14 unidades pela cidade de São Paulo e restante do país.

O gerenciamento da parceria ficará a cargo da PoupaFarma, que atualmente conta com 53 lojas na Baixada Santista, Vale do Paraíba e capital.

- A FarmaTimão seguirá a mesma política da PoupaFarma, de preços baixos. Teremos um mix de produtos completo, tendo como destaque os medicamentos da Neo Química, patrocinador do time - explica a diretora de marketing da PoupaFarma, Fabiana Geraigire.


- Criar projetos que aproximem, cada vez mais, o torcedor do Clube é o nosso maior objetivo” explica o diretor de marketing Luis Paulo Rosenberg. A ideia de uma rede de farmácias partiu do sucesso das lojas Poderoso Timão, com 105 lojas em 2 anos de existência, com o diferencial de que agora o Clube poderá cuidar da saúde do torcedor “FarmaTimão -

- Torcendo com saúde será o slogan da rede e não é por acaso, o torcedor corinthiano terá descontos e preços baixos, além disso estaremos colocando o torcedor cada vez mais próximo do nosso maior patrocinador - esclareceu Luis Paulo.

A FarmaTimão contará com linha de marca própria de perfumaria e de primeiros-socorros, como chupetas, mamadeiras, escova dental, haste flexível, sabonete, bem como ataduras e gaze, por exemplo.

- Acreditamos num público fiel, ávido por consumir a marca Corinthians - completou Fabiana.

Inter de Milão 3x0 SEONGNAM - CDS

A Internazionale não quis saber de surpresas e despachou o Seongnam, da Coreia do Sul, por 3 a 0, nesta quarta-feira, em Abu Dhabi. O clube italiano está na final do Mundial de Clubes, no próximo sábado, contra o Mazembe, da República Democrática do Congo, que eliminou o Internacional. A equipe brasileira enfrentará a sul-coreana, no mesmo dia, na disputa pelo terceiro lugar.

O primeiro gol da Internazionale surgiu de uma cobrança de falta, aproveitando desatenção da defesa sul-coreana. Em sua primeira jogada, com um minuto, o holandês Sneijder sofreu uma dura entrada de Sung e teve de deixar a partida, substituído pelo brasileiro Thiago Motta. A Inter cobrou rapidamente a falta. A bola ficou com o camaronês Eto'o, que lançou para Milito. O argentino passou para Stankovic, que fez o primeiro gol.

O time italiano era muito superior ao Seongnam. O segundo gol foi questão de tempo e chegou aos 32 minutos. Um gol, aliás, com talento argentino. Zanetti conduziu a bola com muita liberade e passou para Milito. O atacante devolveu de calcanhar para o lateral, que bateu de primeira para fazer um golaço.

Depois do segundo gol, os sul-coreanos foram para cima. O Seongnam quase diminuiu aos 36 minutos. Bola levantada na área e Radoncic cabeceou para fora. Aos 42, foi a vez de Byoung Kuk, em jogada parecida, desperdiçar. Nos acréscimos, Molina bateu falta que chegou a assustar Júlio César.

No segundo tempo o panorama permaneceu o mesmo do fim da primeira parte: a Internazionale jogando mais recuada e o Seongnam indo para cima. Isso durou até os 27 minutos, quando Milito matou a partida. Em jogada iniciada por Stankovic, a bola foi passada para Eto'o, que cruzou para área. Milito precisou finalizar duas vezes para marcar o terceiro da Inter.

O golpe acabou com o que restava de resistência do Seongnam. Agora a Internazionale chegará atenta à decisão, afinal pegará o Mazembe, zebra do torneio e que afundou o homônimo brasileiro do clube de Milão. A Inter italiana é favorita, mas pelo que os congoleses já aprontaram, esse favoritismo não pode ser afirmado com convicção.

FICHA TÉCNICA
INTERNAZIONALE 3 X 0 SEONGNAM

Estádio: Zayed Sports City, em Abu Dhabi (EAU)
Data-Hora: 15/12/2010 - 15h (de Brasília)
Árbitro: Roberto Moreno (PAN)
Auxiliares: Daniel Williamson (PAN) e Leonel Leal (CRC)
Público: 35.995 presentes
Cartões amarelos: Ognenovski (INT)
Gols: Stankovic 2'/1ºT (1-0), Zanetti 32'/1ºT (2-0) e Milito 27'/2ºT (3-0)

INTERNAZIONALE: Julio César, Zanetti, Córdoba, Lúcio e Chivu (Santon 33'/2ºT); Cambiasso, Stankovic e Sneijder (Thiago Motta 4'/1ºT); Pandev, Milito (Muntari 30'/2ºT) e Eto'o - Técnico: Rafa Benítez.

SEONGNAM: Ryong, Jae Sung, Hwan, Ognenovski e Byung Kuk; Sung Kuk (Ho Young 23'/2ºT), Geon, Radonic (Ryong 41'/2ºT) e Molina; Chul e Cheol (Kwang Jin 23'/2ºT) - Técnico: Shin Tae Yong

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Alessandro renova contrato com o Corinthians

O Corinthians acertou a renovação de contrato de Alessandro até dezembro de 2011. Desse modo, a diretoria segue o planejamento de manter a base desse ano para a disputa da Copa Libertadores da América da próxima temporada. Na última semana, também foi estendido o vínculo do goleiro Julio Cesar com o clube, destaque do time, até 2014.

Até agora, o Timão só perdeu dois atletas do time considerado titular em 2010: o zagueiro William, que se aposentou ao término do Brasileiro, e o volante Elias, negociado com o Atlético de Madrid (ESP) por 7 milhões de euros (R$ 15,8 milhões).

Há três anos no Parque São Jorge, Alessandro sempre teve o apoio da Fiel torcida por causa de seu empenho em campo. Conquistou a Série B em 2008, o Paulista e a Copa do Brasil em 2009. Nas 128 exibições pelo Alvinegro, marcou dois gols.

Gremistas tiram onda com os colorados no Twitter

Os gremistas não perderam tempo e já tiram onda com os colorados no Tiwtter depois da derrota do Internacional por 2 a 0 para o Mazembe, nesta terça-feira, resultado que eliminou o clube gaúcho do Mundial de Clubes.

Confira algumas mensagens dos gremistas no Twitter:

1) Dego7 RT @Ducker_Gremio: Sabem qual é o cúmulo da imortalidade? Torcer para Independiente e Mazembe e dar certo.

2) pablor1: 7, o número que apavora colorados: Renato usava a 7 e MAZEMBE tem SETE LETRAS! hahah

3) marcelobier: quando será que vai ficar pronto o #DVD do #saci contra o #MAZEMBE?

4) KleiAninha: Pacote para Arábia: R$10.000. Camisa do Inter nova R$200,00 Máscara do Celso Roth: R$10,00. Perder de 2x0 pro grande Mazembe não tem preço.

5) Nitiellesilva: Nome: Mazembe Função: Acabar com o sonho do internacional ser campeão!

6) Cassioruppel: Colorados estão com TPM: Tensão Pós Mazembe

7) rsdutra: Hoje o Mazembe mostrou pra África que existe coisa pior que a fome; Sport Clube Internacional

8) LucasADLima: O Internacional só foi eliminado por causa do "passe espiritual" do Grêmio para os gols do Mazembe.

9) tiagoquintella: Essa foi ótima!!! HAHAHAHAHAHAHAHA!!! Tu quer ser bicampeão? Vou não, posso não, quero não, o Mazembe deixa não.

10) Marinho_Amorim: E agora, quem poderá nos defender?!? Eu, o Chapolin COLORADO ! Não, esse tá em coma: levou uma surra do Mazembe!

Internacional x Mazembe - RDC Faltou HUMILDADE!!!








O Internacional deu adeus ao sonho do bi Mundial ao perder para o Mazembe (RDC) por 2 a 0 nesta terça-feira pelas semifinais do Mundial de Clubes da Fifa. Kabangu, Kaluyituka e o goleiro Kidiaba, em brilhante atuação, foram os responsáveis peo feito histórico. Esta será a primeira vez que uma equipe africana disputará a final da competição.



Conscientes de que não contam com arsenal capaz de atacar um forte adversário como o Internacional, os guerreiros africanos do Mazembe resolveram montar uma impenetrável fortaleza para segurar as ofensivas dos brasileiros. A tática do "general" N'Diaye funcionou perfeitamente. O Inter dominou as ações mas não conseguia invadir a área adversária e pouco finalizou.

Aos 18 minutos D'Alessandro cobrou falta na área, Índio cabeceou sem ângulo, a bola passou pelo goleiro mas ninguém apareceu para empurrar a bola para o gol. Somente aos 36, a equipe colorada voltou a assustar. Tinga deu passe maestral para Alecsandro. O atacante fez o drible para se livrar da marcação mas teve o chute interceptado por Kimwaki.

Vendo a apatia dos atacantes, o volante Wilson Mathias subiu ao ataque e quase marcou um diferente. Em uma "quase bicicleta", o jogador mandou a bola por cima do gol.

Na volta do intervalo, o Internacional voltou mais audacioso, sem deixar o adversário respirar. Contudo, aos sete minutos, um ataque inesperado derrubou o exército colorado. Kabumgu dominou com categoria na entrada da área e chutou colocado no ângulo. Um golaço!


Após o tiro certeiro do rival, o time brasileiro acordou e aumentou a força de sua artilharia. Em dia inspirado, o goleiro Kidiaba evitou o empate em diversas chances claras de gol. Sobis, Alecsandro, D'Alesandro... todos tentaram e esbarraram na trincheira inimiga.

O técnico Celso Roth teve que tomar providências: tirou Alecsandro e colocou Leandro Damião. Logo em seguida, Tinga, essencial na distribuição do jogo e nas assistências, saiu para dar lugar a Giuliano, que teve o mapa da mina do empate nos pés aos 24 minutos mas parou na "artilharia anti-área" - a assustadora competência do goleiro africano.

Moralmente abalados, os colorados levaram um golpe devastador aos 40 minutos. Kaluyituka não teve medo de entrar nas linhas inimigas e acertou um míssil potente no gol de Renan.

FICHA TÉCNICA:
INTERNACIONAL 0 X 2 MAZEMBE
Local: Mohammad Bin Zayed Stadium, em Abu Dhabi (EAU)
Data/Hora: 14/12/2010 às 14h (horário de Brasília)
Árbitro: Bjorn Kluipers(HOL)
Auxiliares: Sander Von Roekel (HOL) e Berry Simons (HOL)
Renda/Público: Não divulgados.
Cartões amarelos: Índio(INT); Nkulukuta e Kasusula (MAZ).
Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Kabangu, 7'/2ºT (0-1); Kaluyituka, 40'/2ºT (0-2).

INTERNACIONAL: Renan, Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Wilson Mathias, Guiñazu, Tinga(Giuliano, 18'/2ºT) e D'Alessandro; Rafael Sobis(Oscar, 27'/2ºT) e Alecsandro(Leandro Damião, 17'/2ºT). Técnico: Celso Roth.

MAZEMBE: Kidiaba, Nkulukuta, Kimwaki, Ekanga e Kasusula; Mihayo, Bedi, Kasongo e Kaluyituka; Singuluma e Kabamgu(Kanda, 39'/2ºT). Técnico: Lmine N'Diaye.

Bobadilla deixa o Corinthians

Sem disputar uma partida sequer pelo Corinthians, Aldo Bobadilla deixa o Parque São Jorge rumo a Barranquilla (COL) para defender o Atlético Júnior, informou o presidente do clube, Arturo Char, à imprensa colombiana, nesta terça-feira.

Bobadilla desembarcou em São Paulo durante a Copa do Mundo da África, no mês de julho, e, desde então, não teve chances no Corinthians por causa da grande fase vivida pelo titular Julio Cesar na meta alvinegra. O clube havia desembolsado cerca de R$ 540 mil para tê-lo até o fim de 2011.

Aos 34 anos, o arqueiro é bastante experiente. Disputou a Copa de 2006 pelo Paraguai e retorna à Colômbia após pouco tempo fora. Entre 2007 e 2010, vestiou as cores do Independiente Medellín.

Estudiantes: Treinador teme Corinthians e Cruzeiro na Libertadores 2011



Se os torcedores de Cruzeiro e Corinthians não gostaram de saber que o Estudiantes (ARG) vai integrar o Grupo 7 da Libertadores de 2011, o sentimento de preocupação dos argentinos não é muito diferente.

O técnico dos "Pinchas", Alejandro Sabella, que sagrou-se campeão do Torneio Apertura no último domingo, lamentou o cruzamento tão precoce.

- Não entendo como um campeão do futebol argentino pode enfrentar um grupo tão duro assim - afirmou o treinador, fazendo uma crítica aos dirigentes da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).

Em entrevista à TV Globo, Andrés Sanchez minimizou a situação:

- Neste ano o Corinthians caiu num grupo mais fácil, terminou a primeira fase como primeiro colocado geral e, no primeiro mata-mata, caiu fora – afirmou o presidente corintiano, lembrando da eliminação para o Flamengo, nas oitavas de final.

Já o treinador do Cruzeiro, lamentou:

- É uma chave complicadíssima, muito difícil – afirmou o comandante azul.

O Grupo 7 da Libertadores terá Estudiantes, Cruzeiro, Guaraní (PAR) e o vencedor do confronto entre Corinthians e o terceiro representante da Colômbia - Tolima, Once Caldas e Santa Fé estão na disputa. A disputa da primeira fase, que antecede a fase de grupos, acontece nos dias 26 de janeiro (em São Paulo) e 2 de fevereiro (na Colômbia).

Thiago Heleno e Renato devem sair do Corinthians

Com a contratação de Wallace e a possível chegada de mais um zagueiro experiente, o Corinthians passaria a ter nada menos do que oito homens de zaga. Além deles, André Vinícius, Chicão, Leandro Castán, Paulo André, Renato e Thiago Heleno fariam parte do elenco alvinegro no próximo ano.

Mas não farão. Esse número é considerado desproporcional e fora de cogitação pela comissão técnica, ainda mais com o fato de Tite atuar com apenas dois nos jogos.

Por isso, a saída de pelo menos dois deles nos próximos dias é considerada certa. Os principais candidatos a deixarem o Parque São Jorge são Renato e Thiago Heleno.

O primeiro é considerado desinteressado pela comissão técnica e diretoria. Nem mesmo quando alguns jogadores quiseram atuar na Copa do Brasil sub-20, Renato se propôs a jogar. E olha que os jogos do Corinthians foram transmitidos ao vivo pelo principal canal de TV fechada.

– Ele não quer nada com nada. Foi para o Bahia e não quis ficar. Assim não dá para continuar – afirmou uma das pessoas próximas a Andrés Sanchez, que pediu anonimato.

Já Thiago Heleno, apesar de ser visto como um zagueiro de boa qualidade e porte físico, ficou queimado com a torcida na época de Adilson Batista, que insistiu com sua titularidade mesmo em meio à má fase.

Wallace: 'Vou fazer minha história no Corinthians'

O primeiro reforço do Corinthians para a próxima temporada já pode ser apresentado pelo clube. Nesta segunda-feira, o zagueiro Wallace realizou uma bateria de exames e findou a única pendência que poderia atrapalhar a troca do Vitória pelo Parque São Jorge, anunciada pelos clubes em recentes notas oficiais.

Pela manhã, o defensor realizou diversos testes clínicos e ortopédicos no consultório de Joaquim Grava. À tarde, complementou os exames com testes cardiológicos, realizados na Clínica Santana Cór, na zona norte de São Paulo.

O jovem falou da expectativa de vestir a camisa do Corinthians nas três competições que o clube vai disputar: Libertadores, Paulistão e Brasileiro.

– A expectativa é muito grande, mas a responsabilidade também é grande. Vou trabalhar para encontrar meu espaço – afirmou Wallace, demonstrando uma timidez normal para quem tem 22 anos e atuou apenas com a camisa rubro-negra.

O defensor chega ao Parque São Jorge para brigar pela posição de William, que resolveu se aposentar após o término do último Nacional. Questionado se poderia ser o companheiro de Chicão na zaga, Wallace desconversou, mas sem esconder o desejo de criar uma identificação com a camisa corintiana e a Fiel.

– Ainda não sei se vou substituir. Ele tem uma história bonita no Corinthians, e eu vou procurar fazer a minha – afirmou Wallace, que ainda revelou não ter tido nenhum contato com o técnico Tite, seu comandante a partir do próximo dia 3 de janeiro.

O zagueiro tinha contrato com o Vitória até o fim do próximo ano, mas decidiu deixar o clube após a queda para a Série B. Em novembro, o Palmeiras chegou a procurá-lo e discutiu salários e luvas. Outro interessado em sua contratação era o Flamengo. Também não deu certo.

O empresário Carlos Leite, ligado a Andrés, foi o responsável pela vinda de Wallace para o Corinthians.

Os zagueiros do elenco alvinegro:

Chicão
Titular absoluto da defesa, a vasta experiência o credencia a ser o novo capitão da equipe, já que William se aposentou no último dia 5. Por ter 1,80m de altura, precisa de um zagueiro alto para compensar a baixa estatura.

Paulo André
Foi indicado por Mano Menezes em 2009. Sua técnica é bastante enaltecida no Timão, mas está afastado do time desde novembro, quando fez uma cirurgia no joelho esquerdo. Deve começar 2011 em um ritmo um pouco baixo dos demais companheiros por causa da artroscopia.

Leandro Castán
Zagueiro canhoto, também já fez as vezes de lateral-esquerdo. Não comprometeu quando teve chances no Corinthians.

Thiago Heleno
Contratado a pedido de Adilson Batista neste ano, não foi aproveitado por Tite e não deve permanecer no clube em 2011.

Renato
Nos profissionais desde 2008, teve poucas chances no time. Não jogou nenhuma partida sequer no Brasileiro.

André Vinicius
Fez boa Copinha este ano e subiu para os profissionais em julho, mas, aos 19 anos, não estreou na equipe principal.

Wallace
Fez boa temporada pelo Vitória este ano, mesmo com o rebaixamento à Série B.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Adriano é eleito o pior jogador da Itália pela terceira vez




O centroavante brasileiro Adriano, da Roma, foi eleito o pior jogador do ano do Campeonato Italiano e recebeu o Bidone d'Oro. É a terceira vez na carreira que o atacante, que pode transferir-se ao Corinthians, vence o concurso realizado pela rádio Catersport.

Além de Adriano, outros cinco jogadores brasileiros estavam na lista de dez indicados: Felipe Melo, Diego, Amauri, Mancini e Ronaldinho. Os zagueiros Materazzi (Inter de Milão) e Cannavaro (ex-Juventus), e os atacantes Cassano (Sampdoria) e Mutu (Fiorentina) eram os outros concorrentes ao prêmio.

A segunda colocação do Bidone d'Oro 2010 ficou com Amauri, que fez temporada ruim com a Juventus, seguido por Ronaldinho, atualmente reserva do Milan.

Adriano é o maior vencedor do troféu, criado apenas em 2003. Felipe Melo, na temporada passada, e Rivaldo, em 2003, quando atuava pelo Milan, também já receberam o prêmio.